- o que você procura?

sexta-feira, 4 de março de 2016

- see you later, alligator!

Em nome desses anos, gostaria de agradecer a presença de todos vocês no - capheína.
Através desse espaço compartilhei parte da minha vida e ainda - em alguns momentos - pude conhecer pessoas maravilhosas.
Sou grato por todas as experiências que me fizeram chegar até aqui. Mas é chegada a hora de seguir em frente... Ir a outra instância, me permitir de outra forma, continuar a aprender e apreender.


Estou queimando a ponte que acabei de atravessar.


PS: Vocês poderão acompanhar meu novo trabalho aqui:


http://arteapache.com.br


- um site que mostrará meus trabalhos artísticos e as centelhas do que ainda escrevo.


Adeus.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

- digressão de noites alvas

Daqui do alto da pirâmide de vidro,
assisto a torre pulsar suas infinitas cores.
E mesmo no negro da noite, eu reflito
sobre nossos sofrimentos e nossas dores

e, nesses momentos, no olhar distante, eu insisto
em confessar como verdade o que pensam ser os rumores.
Rumores que sufocam nossos desejos aflitos
e instauram em nós a culpa e seus temores.

As vezes, acho que ficaremos loucos com tudo isso,
mas, ainda sim, somos os únicos responsáveis e autores
pelos sentimentos sóbrios e versores
que podem ainda ser confundidos como vícios

... apesar de eu pensar que somos, na verdade,

apaixonados...
... sonhadores.

domingo, 6 de dezembro de 2015

- adeus?

Á noite, quando fecho os olhos
me deparo com os seus...
Se sou responsável por aquilo que escolho
Por que devo então dizer "adeus"?

Me apego ao movimento do relógio...
Será que o destino nos esqueceu?
Esses fragmentos de sentimento que recolho
ainda permanecem nos meus poros

... será que também estão nos teus?