Páginas

- o que você procura?

quarta-feira, 20 de junho de 2007

- vou estar

Vou chover pelos teus olhos, junto com milhares de outras formas que você fotografar.
Vou me prender no seu muco nasal, me alimentando do catarro que te entope os pulmões e lhe priva de sentir meu cheiro.
Estarei no meio da tua boca, sabotando a cárie, experimentando seu gosto, desde o sepulcro matinal até o cair da noite quando você vomita o que lhe fez mal.
Vou estar nos teus ouvidos, confiando os segredos meus, seus, meus os que acontecer de ter escutado.
Vou escalar a tua nuca, te arrepiar as costas e te dominar.
Vou me esconder nos teus cabelos negros, loiros, ruivos, tudo depende de onde, e como você acordar.
Vou para debaixo das tuas axilas, onde o cheiro é de incinerar, ora me embriaga a flor da colônia, ora me nauseia por suar.
Vou descer pelos seus ombros, lhe apertar as mãos, te sentir me tocar.
Escalarei os montes mamários, o mais alto que poderei chegar, no topo anelado, onde a erupção se dá apenas quando se tem filhos para criar.
Vou escorregar para o ventre liso, me repousar no seu umbigo até a hora que a fome apertar e sua barriga roncar.
Vou me atrever a ir aos países baixos, passar pelo absorvente molhado, enroscar-me nos pequenos fios, onde o prazer é procurado.
Vou para onde os montes se encontram, na maior abundância de carne, para onde todos olham e se desmontam.
Vou deslizar para as suas pernas, contornar as coxas, joelho e canela, e me deixar parar no seu tornozelo de donzela.
Vou lhe contornar os dedos, as unhas, e lhe fazer cócegas até a hora que não agüentar mais rir e pedir pra parar.
Vou descer pelo ralo, vou com a sujeira que você limpar.

8 comentários:

  1. Quando você escreveu essas coisas, tu deveria estar no RedTube e lendo Moreninha.

    uahuahauhauhauahuahua
    ;D

    ÓTIMO texto!

    Amplexos.

    ResponderExcluir
  2. - hAahAHAhahaHoahaoHOAHOA
    não estava, homem.
    são meus devaneios, sai natural - se é que podemos chamar isso de natural.

    ResponderExcluir
  3. Sempre que tenho os meus, nunca tenho nada pra anotar.
    E minha cabeça não é lá confiável.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  4. com certeza deste tipo de inspirazao nunca consegui de ninguem..................

    ResponderExcluir
  5. Simplesmente adorei. Me lembrou um pouco a música "garotos" do Leoni
    "Se espalham pelos pêlos, boca e cabelo, peitos e poses e apelos".
    No mais me identifiquei com vc. Tbm sou estudante de psicologia , gosto de literatura, conversas longas e vinho. Enfim foi um prazer achar seu blog. Adorei

    ResponderExcluir
  6. Digitei correndo, é Helen Carolina

    ResponderExcluir
  7. - seja bem vinda helen.
    de onde és?

    espero tê-la por aqui sempre às leituras.
    e para essas conversas sobre algo que queira perguntar, sobre qualquer coisa.
    se cuide.
    abraços.

    ResponderExcluir
  8. acho que ainda não o tinha lido.
    tão bom.

    ;*

    ResponderExcluir