- o que você procura?

domingo, 16 de março de 2008

- pensei que soubesse amar

Achei que viver fosse mais engraçado.
Que as coisas teriam maior valor;
Sentimentos belos.
Achei que amar não seria pecado,
Que não teria pudor;
Tudo seria sincero.

Pequenos detalhes são irreversíveis.
E os momentos incríveis deixam de ser honesto.

Agora querem que eu acredite;
Que o amor é lindo,
Infinito e belo.
Mas o vejo desconfiado.
Doloroso, incerto.
Logo abaixo do meu chinelo.

escrito em: Mauá, 2005.