- o que você procura?

domingo, 16 de agosto de 2009

- carne e cio

Dilui-me em teus póros,
Atritando teu corpo aos meus lábios.
Abandona-te completamente ao meu cólo
Para que eu a domine...
Valendo-me de gestos calmos e ágeis.

Quanto mais te entregares ao gozo,
aos prazeres do cio e da excitação,
sentirás - da carne ao osso -
o desejo ardil de abandonar-se em meus braços,
e de tê-la invadido o útero e o coração.