- o que você procura?

domingo, 17 de agosto de 2014

- amores do passado [ou amor adolescente]

Eu que achava que o amor adolescente
fosse valer para a minha vida toda,
aprendi que o caminho diferente
nos transforma de uma forma louca.

Eu que achava que, dali pra frente,
nada em minha vida teria sentido,
aprendi que a desilusão da gente
ajuda a enfrentar o desconhecido.

Eu que ainda remoía a raiva presente
pelas coisas ditas e não ditas,
aprendi a preservar em minha mente
você nas cenas ímpares e bonitas.

Eu que ainda observei distante
algumas situações do seu dia a dia,
aprendi que tudo havia sido importante,
mesmo quando um de nós ainda sofria.

Eu que agora sigo adiante,
só tenho a agradecer o aprendizado.
Espero que encontre alguém bom o bastante
para caminhar sempre ao seu lado.